As Palavras têm força e matam

As Palavras têm força e matam
Palavras matam aos poucos quando causam constrangimento: quem ouve quer se esconder ou desaparecer de vez, deixando claro que melhor seria se as tais palavras não tivessem sido pronunciadas.
Palavras matam aos poucos quando ferem: quem ouve sente uma dor como se alguém tivesse arrancado um pedaço seu, um pedaço da esperança, da confiança, da beleza.
Salomão, veja; (Provérbios 25:11) “Como maçãs de ouro em salvas de prata, assim é a palavra dita a seu tempo”.
Nossas palavras deverão servir para edificação, consolo, conforto e de amor cristão, (Efésios 4:29) “Não saia da vossa boca nenhuma palavra torpe, mas só a que for boa para promover a edificação, para que dê graça aos que a ouvem”. Amar com amor genuíno, puro e santo, não só de língua, leia o que está escrito em (1 João 3:18) “Meus filhinhos, não amemos de palavra, nem de língua, mas por obra e em verdade”. Quem ama o próximo, suas palavras são comedidas.
Pr Zaqueu Medeiros.

#Compartilhar

Postagens Relacionadas

Ultima
Anterior
Proxima »