Ministério de Casais Amovc

Ministério Amovc.
Site Oficial Ministério Amovc O Ministério que acredita em seu casamento. Acesse, curta
https://www.ministerioamovc.com.br/artigos
Pr Zaqueu Medeiros & Pra Marlene Inacio Medeiros Inacio
Conferencista na área de família. 

DIVIDIR AS TAREFAS DO LAR AUMENTA A INTIMIDADE ENTRE O CASAL

DIVIDIR AS TAREFAS DO LAR AUMENTA A INTIMIDADE ENTRE O CASAL
Porventura andarão dois juntos, se não estiverem de acordo?
Amos 3:3
Se o casal não tem condições de pagar uma empregada doméstica, o correto seria o marido ajudar nas tarefas de casa. Qualquer ajuda é bem-vinda, mesmo que pequena, se o marido deixar tudo nas costas da esposa, ela vai ficar sobrecarregada e estressada, porque é muita responsabilidade para administrar, principalmente quando a mesma já trabalha fora e ainda fica com toda responsabilidade do lar, tarefas domésticas, filhos, entre outras tarefas.
A divisão de tarefas, muitas vezes, é motivo de briga entre o casal. Normalmente, os homens reclamam e se recusam a lavar a louça, varrer a casa, ir ao supermercado ou qualquer outro tipo de atividade. Mas os tempos mudaram e a participação do companheiro é essencial no dia a dia da vida a dois, principalmente com a inclusão da mulher no mercado de trabalho.
A divisão das tarefas domésticas é um dos dramas diários da vida conjugal em que os papéis tradicionais e os ideais modernos sobre igualdade se chocam, as vezes de formas surpreendentes. Uma sala empoeirada pode não ser só uma sala empoeirada. Para os casais mais jovens, dividir as tarefas domésticas significa que mulheres e maridos têm de deixar para trás antigos ideais sobre as mulheres como donas de casa perfeitas.
Dividir o mesmo teto significa também colaborar, e para facilitar as atividades domésticas, a recomendação é que cada um escolha o que vai fazer, de acordo com as habilidades e preferências. Por questões de natureza, homens e mulheres têm habilidades diferentes. Sem dúvida, mulher é mais prática nas tarefas domésticas, é realiza com mais perfeição. Já o homem tem uma força física superior, assim como os outros contrapontos de um casamento, essa questão de destinar cada serviço da casa tem que ser resolvida com planejamento, coerência e inteligência.
Quando o marido ajuda a esposa, está beneficiando a si próprio, porque além de conseguir a admiração dela ganhará mais tempo para a vida a dois, é isso melhora a intimidade entre ambos.
👉🏼Jamais critique o trabalho feito pelo outro, valorize a ajuda e incentive cada vez mais.
🌹Família Investimento Precioso🌹

POR QUE BONS CASAMENTOS, TERMINAM EM DIVÓRCIO?

POR QUE BONS CASAMENTOS, TERMINAM EM DIVÓRCIO?
São muitos motivos que podem destruir um relacionamento, porém alguns são mais comuns: a falta de união, a falta de compromisso, a falta de diálogo, a falta de responsabilidade de um ou ambos, e principalmente, a falta de comunhão com Deus.
Você já ouviu a frase “Casa, mas se não der certo, separe.”
Queridos, essa é uma demonstração da banalidade que hoje encontramos no mundo à fora, infelizmente o verdadeiro sentido da palavra casamento, perdeu o valor. Mas creio que se você está lendo esta mensagem, você deseja resgatar, edificar, consolidar e fortalecer sua vida.
No livro de Efésios 5: 25-29, temos um ensinamento profundo para nós homens, que diz:
"Vós, maridos, amai vossas mulheres, como também Cristo amou a Igreja, e a si mesmo se entregou por ela, para santificá-la, purificando-a com a lavagem da água, pela palavra, para apresentá-la a si mesmo Igreja gloriosa, sem mácula, nem ruga, nem coisa semelhante, mas santa e irrepreensível. assim devem os maridos amar as suas próprias mulheres, como a seus próprios corpos. Quem ama a sua mulher, ama-se a si mesmo. Porque nunca ninguém odiou a sua própria carne, antes a alimenta e sustenta como também o Senhor a Igreja."
Analisando esta passagem podemos chegar a uma reflexão e assim ter um casamento abençoado e feliz. A primeira instrução que recebemos do Senhor é que devemos "amar" a nossa esposa como Cristo amou a igreja. A Igreja significa todos os cristãos, que apesar de conhecerem a verdade da Palavra de Deus, ainda assim falham, são teimosos e muitas vezes desobedientes.
Imagine se Jesus desistisse de nós? Por isso devemos amar nossas esposa com um amor voluntário, que não mede esforços, que doa, que deseja o bem e como consequência, se torna permanente. Muitas vezes as pessoas dizem: “Eu quero me separar pois eu não amo mais a minha esposa. E as mulheres dizem: Eu não amo mais meu marido”. Entenda que o amor é um mandamento de Deus e não uma coisa que surge do nada. Diga: EU DECIDO AMAR, pois se é um mandamento, requer decisão.
A única forma de darmos continuidade a este amor é entendermos que Cristo não é somente o modelo de amor, mas é a Fonte dele. Quando a vida do homem é dirigida pelo Espírito Santo de Deus, ele se torna mais amável, compreensivo, amigo, companheiro e parceiro de sua esposa. Portanto seja um homem de Deus, que ame incondicionalmente a sua esposa e tenha o temor de Deus acima de tudo, pois assim você será fiel até o fim. “O temor do senhor é o princípio da sabedoria..." (Provérbios 9:10)
E você, esposa, respeite seu marido e peça sabedoria a Deus para lidar com ele. Provérbios 14:1 diz: “Toda mulher sábia edifica a sua casa; mas a tola a derruba com as próprias mãos.” A Bíblia também ensina que a esposa não pode ficar discutindo, "falando na cabeça" do marido que não serve a Deus. Veja:
“Do mesmo modo, mulheres, sujeite-se cada uma a seu marido, a fim de que, se ele não obedece à palavra, seja ganho sem palavras, pelo procedimento de sua mulher, observando a conduta honesta e respeitosa de vocês. A beleza de vocês não deve estar nos enfeites exteriores, como cabelos trançados e joias de ouro ou roupas finas. Ao contrário, esteja no ser interior, que não perece, beleza demonstrada num espírito dócil e tranquilo, o que é de grande valor para Deus.” (1 Pedro 3:1-4)
Que você possa acreditar no seu casamento assim como Deus acredita! Ele é o Deus especialista em restaurar relacionamentos, corações feridos e acima de tudo: Sua fé e comunhão com Ele.
Deus abençoe e restaure seu lar em nome de Jesus.
Fica a dica:
🌹Família Investimento Precioso🌹

Estamos também no Youtube!! Ministerio Amovc

Também estamos no Instagram! Ministerio Amovc

O QUE VOCÊ TEM FEITO PARA PROTEGER SEU CASAMENTO?

O QUE VOCÊ TEM FEITO PARA PROTEGER SEU CASAMENTO?
1 PEDRO 5:8
"O diabo anda como leão procurando a quem possa devorar."
👉🏼A cada dia somos surpreendidos por um novo desafio ou problemas, mas existem ocasiões em que não temos forças nem para reagir.
É nas reações que estão o perigo de errar. Às vezes não erramos de forma planejada e sim espontânea quando não temos tempo de pensar com a cabeça quente.
Davi foi pego de surpresa por um inimigo que não esperava e lutou com quem mais amava. Sua família foi raptada e teve que lutar para restituir.
Como a família de Davi, muitos pais hoje têm seus filhos levados pelos vícios, prostituição, violência e outros males. As famílias estão sendo assaltadas destruídas a cada dia com perigos e é preciso proteger nossa casa não somente contra ladrões, mas também espiritual e emocionalmente.
Fica a dica!
🌹Familia Investimento Precioso 🌹

O casamento é um desafio

O casamento é um desafio e, e este desafio na maioria das vezes, um processo difícil, mas incrivelmente recompensador. Aceitar esse desafio exige uma mente determinada e decisões firmes.
O seu propósito não é o de ser experimentado ou testado por pouco tempo, e aqueles que desistirem cedo, perderão os maiores benefícios. Se você se comprometer com um dia de cada vez, os resultados poderão mudar a sua vida e o seu casamento

PEQUENOS GESTOS, PODEM FAZER A DIFERENÇA NO CASAMENTO

PEQUENOS GESTOS, PODEM FAZER A DIFERENÇA"
Simples gestos podem representar a diferença entre um casal em crise e um casal em harmonia!
É difícil manter a chama acesa em relacionamentos longos. Manter aquele brilho, aquela cumplicidade e, principalmente, a harmonia entre o casal pode se tornar uma verdadeira missão impossível!
E já que amar também significa ser feliz , não há porque estar em um relacionamento no qual não haja felicidade, certo?
Quando um casal está feliz, transparece nos gestos e ações e nas atitudes.
Sigam alguns passos e melhore seu relacionamento.
1- Andar de mãos dadas
2- Vão para cama juntos
3- Não dormir brigados
4- conversem durante o dia, troquem mensagens.
5- Frequentemente declare seu amor.
6- perdoe sempre
7- troquem carinho, e carícias.
8-Cultive os interesses comuns.
9- Demonstre afeto publicamente.
10- Ame incondicionalmente.
🙌🏼 Deus abençoe seu relacionamento e sua família.
🌹Família Investimento Precioso 🌹

O que muda na vida de um casal com a chegada do 1º filho?

O que muda na vida de um casal com a chegada do 1º filho?
MUITOS concordam que ter filhos é uma das maiores alegrias da vida. A Bíblia diz que os filhos são “uma recompensa” de Deus. (Salmo 127:3).
Por mais que o casal queira o filho, saber que ele está na barriga da mãe e em poucos meses estará nos braços dos dois pode dar um nó na cabeça da mulher e do homem. Por tabela, o casal pode entrar em crise. É preciso reorganizar a relação para entrar nesta nova fase de corpo e alma. Homem e mulher, agora, serão também pai e mãe de uma criança indefesa e dependente deles por um longo período de tempo. Isso pode provocar muito medo e insegurança.
É preciso que um se coloque no lugar do outro. Ser empático faz uma boa diferença. Só percebendo os sentimentos de cada um, as suas necessidades e obrigações advindas dessa nova realidade, que será possível buscar uma solução.
Empurrar os problemas com a barriga não leva a nada, aliás, pode levar à separação do casal. O momento é difícil para os dois. Para a mulher, principalmente, devido à sobrecarga física e emocional. É natural que o homem fique em segundo plano, por conta das necessidades do bebê, e se sinta abandonado. Por isso, não se pode perder de vista, que, além do bebê, homem e mulher também precisam de cuidados. Precisam cuidar um do outro!
O marido sábio mostra seu amor à esposa por se informar a respeito do impacto físico e mental que o nascimento de um filho tem sobre a mulher. Se fizer isso, ele compreenderá por que sua esposa talvez tenha mudanças repentinas de humor.
Se às vezes sua esposa reage mal às suas tentativas de ajudar, não fique logo ofendido. (Eclesiastes 7:9) Em vez disso, pense nos melhores interesses dela, não nos seus, e assim não ficará chateado. — Provérbios 14:29.
O marido passar a ver a sua esposa mais como a mãe de seu filho do que como sua mulher, passando a chamá-la de "mãe" e não mais de "querida" ou "amor". A mulher pode fazer o mesmo, vendo seu marido mais como o pai de seu filho do que seu companheiro.
Fica claro que, diante de tudo isso, os conflitos entre o casal podem se intensificar, gerando brigas, discussões e mal entendidos porque ambos tem suas razões para agirem da forma como agem e nem sempre conseguem enxergar ou entender as razões do outro.
Ambos agora não são apenas um casal, há mais um membro na família, o que os leva a cumprirem mais um papel em conjunto: o de pais! O filho é de ambos, portanto, ambos devem conciliar e dividir os cuidados com o bebê. Um pai que acompanha o dia a dia e é solidário com a mãe, dividindo com ela tarefas que possa ou saiba cumprir, entende melhor o cansaço de sua esposa, torna-se cúmplice dela e saberá criar um clima de romantismo e de intimidade, respeitando os limites de sua esposa neste momento. Um beijo, um afago, ficar ao lado da esposa enquanto ela embala o bebê para dormir faz com que ela se sinta amada. Ela, por sua vez, passa a retribuir os carinhos recebidos, o que propiciará um clima de namoro como antes do bebê nascer, colaborando para uma maior intimidade entre o casal.
É importante que haja muito diálogo, compreensão e paciência para ambos entenderem um ao outro e compreenderem que passam apenas por uma fase de rearranjos e de experiências que, se bem administradas por ambos, servirão para uma aproximação maior ainda do casal, através da harmonia e da cumplicidade!
Naturalmente, a chegada de um bebê interfere na vida sexual do casal. Portanto, o marido e a esposa precisam conversar sobre suas necessidades. A Bíblia diz que qualquer mudança no relacionamento sexual do casal deve ser feita por “consentimento mútuo”. (1 Coríntios 7:1-5) Isso exige comunicação.
Conversas são essenciais à medida que o casal se ajusta à nova rotina como pais. Tenham empatia, sejam pacientes e honestos. (1 Coríntios 10:24) Dessa forma, você e seu cônjuge evitarão mal-entendidos e aumentarão seu amor um pelo outro. — 1 Pedro 3:7, 8.

Eu traí minha esposa. Eu amo minha mulher, mas..."

Eu traí minha esposa. Eu amo minha mulher, mas..."

QUEM AMA TRAI? A resposta lhe surpreenderá
O casal entrou em nossa sala de atendimento. O marido trazia no rosto a imagem da vergonha, do fracasso e da derrota. Tinha dificuldade até de erguer a cabeça. Ombros caídos, se sentou diante de nós, sua esposa ao lado. Ela, claramente tinha chorado muito nos últimos dias. Mas foi ele quem explicou a razão da visita:
— Eu traí minha esposa. Eu amo minha mulher, mas eu acabei me envolvendo com essa outra no meu trabalho. Estamos aqui porque queremos ajuda para recomeçar.
Amo minha esposa, mas a traí com outra. Talvez você perceba alguma incongruência nessa frase. Como pode alguém trair a quem ama?
O grande mito em que muitos maridos e esposas caem é: “Se você ama seu cônjuge, você não se sentirá atraído por nenhuma outra pessoa.”
No mundo da fantasia esse mito é verdade. No mundo real, a coisa é diferente. O ser humano é falho. A carne é fraca. Os olhos veem e cobiçam. A imaginação vai longe. O coração pede.
Some-se a isso todo o bombardeio social e cultural promovendo incessantemente a infidelidade, o sexo indiscriminado, a mulher objeto, a imagem do homem pegador. Acrescente um pouquinho de pornografia e boas doses de falta de atenção no casamento. De repente, aquela frase não parece mais tão incongruente assim.
Vamos então à verdade. Aperte os cintos.
Saiba, marido ou esposa, que você é humano. É falho, é inclinado ao erro, é tentado pelo proibido, e dada as circunstâncias apropriadas, você provavelmente vai trair seu cônjuge. E na hora H, quando você já estiver fisgado pelos seus sentimentos e pela adrenalina, seu “amor” não impedirá a traição.
Estamos todos condenados a trair, então?
Não. É aí que você deve aprender o que o verdadeiro amor faz nessas situações:
Quem ama foge do mal e não confia na própria força.
Se eu amo minha esposa, no momento em que meus olhos se atraírem por outra mulher, eu fugirei dela. Não mais ficarei olhando nem buscando ocasião para estar perto dela. Não me enganarei achando que sou forte o suficiente, que posso me aproximar dela e brincar um pouquinho porque no final eu saberei parar. Eu sou humano. Posso cair como qualquer homem. Por isso, fujo do mal.
Se você mulher ama seu marido, você não ficará alimentando fantasias em sua cabeça com conversas inapropriadas com outro homem — seja no trabalho, na Internet, ou mesmo na sua memória, lembrando de alguém do seu passado.
Se você vai ter olhos para alguém, que sejam para seu cônjuge. Se você vai ter uma aventura de amor, que seja com seu marido ou esposa. Fortaleça a relação de vocês. Voltem-se um para o outro.
Amar é fazer a coisa certa. É fugir do mal e não confiar na própria força. Se o seu amor praticar isso, você nunca usará a palavra “trair” na mesma frase.

CASAMENTOS NO CTI

CASAMENTOS NO CTI
Quando uma mulher casada ou homem casado, acha que o feriado, as férias e uma noite de folga é muito melhor sozinha(o) do que com o seu cônjuge, este casamento esta dando sinais que precisa urgente de ir para o CTI ( casamento em tratamento intensivo). A melhor forma de se recuperar e salvar um casamento é agindo preventivamente. Aos primeiros sintomas de crise, infidelidade e conflitos, peça ajuda, grite por socorro. Deus é especialista em salvar, recuperar e ressuscitar casamentos.

Radio Record, Programa falando de familia.

Pr. Zaqueu e Pra. Marlene, um dos maiores palestrantes do Brasil na área familiar, há 15 anos vem desenvolvendo trabalho de terapia e reconstrução de lares cristãos. De segunda a sábado transmite o programa Falando de Família na Rádio Record 990am, http://radiocontemporanea990.com.br/sempre às 22h as 23h Para conhecer mais de seu trabalho acesse: www.ministerioamovc.com.br
Pr Zaqueu Medeiros & Pra. Marlene Medeiros

Crédito Consignado

Venha ser nosso parceiro, ligue procure Dra. Flávia Machado LegalCredi. A parceria que nos confiamos, Whatsapp 021-99262-4977, 021-3173-9971
Acesse:http://www.legalcredi.com.br/
Forte Abraço
Pr Zaqueu Nery Medeiros Medeiros Pra Marlene Inacio Medeiros Inacio.
Conferencista na área de família.

Como organizar um encontro de casais de sua igreja

Roteiro para encontro de casais
Encontro de Casais:
1- Participantes: casais pertencentes ao corpo de membros da Igreja local, podendo ser aberto a outros casais.
2- Local do evento: Pode ser realizado na própria Igreja ou em uma Pousada ou Sitio, poderá ser um final de semana completo, uma noite ou um dia inteiro, dependendo da disponibilidade.
3-Objetivo: mostrar o poder de Deus no casamento através da aliança com Ele. Durante a ministração o casal deverá sentar junto, pois a cumplicidade será muito importante neste momento.
4-Convite: deve ser bem elaborado, como se fosse o convite de um casamento, mesmo que simples. Sugestão: utilize uma foto de flores, rosas ou alianças e coloque os dizeres sobre ela. Mande imprimir em papel fotográfico mesmo ou leve para revelar, sai barato e é lindo!
5- Recepção aos casais
6-Temas:
-A importância dos votos no casamento
- Intimidade do casal
- Finanças pessoais e economia doméstica
- A unidade familiar
- etc.
7-Decoração:
A imaginação pode ser muito usada para decorar um encontro de casais. O local do evento deverá estar rodeado de romantismo. Flores, bexigas e enfeites dão o ar da graça. A luz baixa durante o jantar trará mais romantismo ao evento.
O salão pode estar decorado com bexigas em formato de coração, sempre em tons vermelho e branco.
As mesas devem preferencialmente ser separadas por casais, mas, caso não seja possível, o casal deverá sentar em frente ou ao lado do outro.
A toalha pode ser branca, com vasos com flores vermelhas, e velas que deverão ser acesa somente durante o jantar.
Pode ser feito um arco com bexigas ou flores na entrada, com um lindo tapete vermelho para recepcionar os casais.
Em um canto do salão/restaurante, poderá ser montada uma mesa com um bolo “falso”, taças e espátula para que os casais tirem fotos para recordação. A decoração da mesa do bolo deverá ser diferenciada, como se fosse o “Bolo do Casamento”.
8-Jantar a luz de velas: em um encontro de casais não pode faltar, o clima de romantismo após a ministração da Palavra de Deus, fará com que os laços do matrimônio sejam renovados.

Mas se não for possível pode fazer um coquetel, use os recursos disponíveis.
9-Lembranças: caixa de bombons em formato de coração, fotos do casal tiradas no mesmo dia do evento,flores que poderão ser entregues pelo esposo à amada, carta de amor escrita pelo cônjuge, aliança dourada, sorteio de jantar a dois em um restaurante fino da cidade, sorteio de pernoite em um hotel.
10- Dinâmicas: As dicas estão em dinâmicas para encontro de casais.

Palavra, estudo, reflexão: Escolher alguém que tenha conhecimento, experiências em assuntos de casais e famílias.


Roteiro:
Recepção aos casais
Devocional
Grupo de louvor responsável pelos canticos
Palestra
Dinâmicas
Oração
Janta
Deve ser adaptado a cada situação

Um dos maiores palestrantes do Brasil na área familiar

Um dos maiores palestrantes do Brasil na área familiar, há 15 anos vem desenvolvendo trabalho de terapia e reconstrução de lares cristãos.
Pr. Zaqueu Medeiros & Pra. Marlene Medeiros
Conferencista na área de família
Escritor, Professor, Apresentador de TV e Radio.

CRISE FINANCEIRA X CASAMENTO

CRISE FINANCEIRA X CASAMENTO
Com o agravamento da crise econômica, muitos casais procuraram alternativas em busca de apoio para ultrapassar esse momento delicado.
A maioria dos relatos são de pessoas que perderam o trabalho. E por conta da súbita diminuição da renda, começaram a enfrentar problemas.
Os problemas encaminhados são variados e, quase sempre, acompanhados de diversos desentendimentos e falta de perspectiva em relação ao futuro familiar e profissional.
Um detalhe importante é que os relatos apresentam é que, via de regra, as famílias buscam um culpado pelos problemas.
Homens e mulheres trocam acusações e, sem perceber, caminham para a destruição do casamento.
Outro detalhe importante compartilhado pelos casais em suas mensagens é que eles gostam de fazer comparações. Isto é comparam o atual momento com o início do casamento, quando tudo era flores.
Como não poderia ser diferente, o início do casamento é uma época marcada por grandes emoções e descobertas. A perspectiva de uma nova vida e a alegria que envolve a situação acabam sobressaindo e os problemas são sempre minimizados.
Com o passar do tempo, muita gente acaba descobrindo que o que antes parecia certo, agora traz angústia e muita preocupação. Principalmente na esteira de uma crise e com a falta de dinheiro.
Cadê o amor que estava ali? 🤔
Se existe algo que aprendi é que casamento não combina com dívidas. Justamente por isso, a grande arma para evitar o esvaziamento do potencial financeiro do casal é a conversa franca e direta sobre o dinheiro da família, respeitando o padrão de vida possível sempre.
O primeiro passo é conversar, de maneira franca, e não esquecer de colocar o assunto “finanças pessoais” na mesa de uma maneira adulta, olhando para frente e de forma realista para a situação familiar.
Nesse momento, é hora de resgatar o casamento, cultivar novos hábitos e fazer do planejamento financeiro um aliado de peso.
👉🏼PLANEJAMENTO FINANCEIRO
Um hábito importante para cultivar é o hábito de falar sobre o dinheiro sempre, não apenas quando ele é um problema.
É fundamental para qualquer família seguir um padrão de gastos que seja compatível com a renda e, principalmente, alinhado aos objetivos e sonhos de todos.
A regra básica das finanças pessoais é manjada: gastar menos do que ganha. Batida, conhecida, óbvia, mas ignorada. Mude isso!
Essa regra deve sempre ser aplicada, principalmente nos momentos de crise, quando a renda diminui.
É preciso levar em conta que crises são períodos que são verdadeiros testes para os casais. Principalmente quando estes não se preparam adequadamente para atravessar as turbulências.
FIQUE ATENTO!
👉🏼Crises vêm e vão.
👉🏼 E o seu casamento? 🤔
Uma grande lição que os períodos de crise apresenta é que ninguém escapa das emergências. Na verdade, enquanto alguns sofrem suas consequências, outros que se prepararam conseguem fazer grandes negócios e criar excelentes oportunidades.
📝 FAÇA UM PLANEJAMENTO JUNTOS
A reserva de emergência deve garantir seu padrão de vida por pelo menos seis meses, ainda assim devemos ajustar o padrão de vida, cortar custos e evitar novos gastos 💳 💵.
Conclusão
Recuperar um casamento desgastado pelo tempo e surrado por uma ou mais crises não é fácil. A questão financeira é um problema que ataca silenciosamente e muitos não conseguem perceber que o problema não é a falta de amor, mas falta de planejamento.
A transparência e o diálogo pode ser um fator importante e uma forma de prevenir possíveis crises no relacionamento.
Fica a Dica!
🌹Família Investimento Precioso🌹